15 de dezembro de 2017

Lançamentos | Grupo Companhia das Letras

O último mês do ano chegou, mas ainda tem muita coisa boa sendo lançada! Hoje é dia de conferir quais são os últimos lançamentos de 2017 do Grupo Companhia das Letras. Preparados para dar aquela aumentada na wishlist? Então abram o Skoob e vamos lá! \õ/


12 de dezembro de 2017

Resenha | Fraude Legítima - E. Lockhart


Livro cedido em parceria com a editora.

Autora: E. Lockhart

Número de páginas: 280

Ano: 2017

Editora: Seguinte

Skoob: AQUI

Compre: Amazon
Sinopse: Jule West Williams é uma garota capaz de se adaptar a qualquer lugar ou situação. Imogen Sokoloff é uma herdeira milionária fugindo de suas responsabilidades. Além do fato de serem órfãs, as duas garotas têm pouco em comum, mas isso não as impede de desenvolver uma amizade intensa quando se reencontram anos depois de terem se conhecido no colégio. Elas passam os dias em meio a luxo e privilégios, até que uma série de eventos estranhos começa a tomar curso, culminando no trágico suicídio de Imogen e forçando Jule a descobrir como viver sem sua melhor amiga. Mas, talvez, as histórias das duas garotas tenham se unido de maneira inexorável — e seja tarde demais para voltar atrás.


— Você acha que uma pessoa é tão ruim quanto suas piores ações?

7 de dezembro de 2017

Resenha | O Casal Que Mora ao Lado - Shari Lapena


Livro cedido em parceria com a editora.

Autora: Shari Lapena

Número de páginas: 294

Ano: 2017

Editora: Record

Skoob: AQUI

Compre: Amazon
Sinopse: Nunca se sabe o que acontece na casa ao lado...

Sua vizinha convida você para um jantar, mas pede que não leve sua filha. Ela não suporta bebês. É uma noite para adultos.

Seu marido diz que, apesar de a babá ter avisado na última hora que não viria, vocês ainda podem deixar a menina em casa. Afinal, estarão logo ali do lado, com a babá eletrônica.

Sua filha simplesmente desaparece no meio da noite. E sua vida se torna um pesadelo.


Tudo em casa a remete à filha, ao que eles perderam. ... Não importa em que parte da casa ela fique, Cora está em todos os lugares. Para Anne não há fuga, por mais temporária que seja.

4 de dezembro de 2017

Parceria | Layla Casanova

Oi, gente, tudo bem? O blog está paradinho, né? Minha internet está muito ruim, estou tentando trocar de operadora, mas ainda não encontrei um bom pacote de internet + telefone + TV. Tenho muita resenha atrasada, tá complicado! 😂

Hoje eu vou apresentar para vocês a mais nova autora parceira aqui do blog: Layla Casanova!

Layla Casanova é o pseudônimo de uma geminiana apaixonada por dramas e romances médicos que encontra inspiração em Shonda Rhimes e velhos episódios de ER - Plantão Médico. Passa seus dias desejando ter um McName próprio e um pager. Quando não está escrevendo, pode ser encontrada atualizando suas séries, lendo, chorando a morte de personagens fictícios ou chamando a cardio.

Seu livro de estreia é um romance médico inspirado em suas séries preferidas, como Grey’s Anatomy, ER – Plantão Médico e Chicago Fire. A série Mercy Bay, iniciada em A Segunda Chance de Zoe, acompanha o dia a dia, altos e baixos dos médicos da Sala de Emergência do Hospital Geral Mercy Bay, em San Francisco.

Agora vamos conhecer suas obras! \õ/


SkoobNúmero de páginas: 203 • Ano: 2017 • Compre AQUI e AQUIFacebook

27 de novembro de 2017

Lançamentos | Grupo Editorial Record

Oi, gente! Entramos na última semana de novembro, como o tempo passou tão rápido? 😱 Vamos conhecer os lançamentos de novembro do Grupo Editorial Record?


24 de novembro de 2017

Resenha | Entre Quatro Paredes - B.A. Paris


Livro cedido em parceria com a editora.

Autora: B.A. Paris

Número de páginas: 266

Ano: 2017

Editora: Record

Skoob: AQUI

Compre: Amazon
Sinopse: Grace é a esposa perfeita.

Ela abriu mão do emprego para se dedicar ao marido e à casa. Agora prepara jantares maravilhosos, cuida do jardim, costura e pinta quadros fantásticos. Grace mal tem tempo de sentir falta de sua antiga vida.

Ela é casada com Jack, o marido perfeito.

Ele é um advogado especializado em casos de mulheres vítimas de violência e nunca perdeu uma ação no tribunal. Rico, charmoso e bonito, todos se perguntavam por que havia demorado tanto a se casar.

Os dois formam um casal perfeito.

Eles estão sempre juntos. Grace não comparece a um almoço sem que Jack a acompanhe. Também não tem celular, que ela diz ser uma perda de tempo. E seu e-mail é compartilhado com Jack, afinal, os dois não guardam segredos um do outro. Parece ser o casamento perfeito. Mas por que Grace não abre a porta quando a campainha toca e não atende o telefone de casa? E por que há grades na janela do seu quarto?

Às vezes o casamento perfeito é a mentira perfeita.


— Quem é você, Jack? — perguntei em voz baixa.
— O seu marido. Eu sou o seu marido.
Pegando a minha mão, levou-a aos lábios e a beijou. 
— Na alegria e na tristeza. Na saúde e na doença. Até que a morte nos separe.

22 de novembro de 2017

Resenha | A Soma de Todos os Beijos - Julia Quinn


Livro cedido em parceria com a editora.

Autora: Julia Quinn

Série: Quarteto Smythe-Smith #3

Número de páginas: 272

Ano: 2017

Editora: Arqueiro

Skoob: AQUI

Compre: Amazon
Sinopse: Um brilhante matemático pode controlar tudo…

A não ser que um dia exagere na bebida a ponto de desafiar o amigo para um duelo. Desde que quebrou essa regra de ouro, Hugh Prentice vive com as consequências daquela noite: uma perna aleijada e os olhares de reprovação de toda a sociedade. Não que ele se importe com o que pensam dele. Ou pelo menos com o que a maioria pensa, porque a bela Sarah Pleinsworth está começando a incomodá-lo.

Lady Sarah nunca foi descrita como uma pessoa contida…

Na verdade, a palavra que mais usam em relação a ela é “dramática” – seguida de perto por “teimosa”. Mas Sarah faz tudo guiada pelo bom coração. Até mesmo deixar bem claro para Hugh Prentice que ele quase destruiu sua família naquele bendito duelo e que ela jamais poderá perdoá-lo.

Mas, ao serem forçados a passar uma semana na companhia um do outro, eles percebem que nem sempre convém confiar em primeiras impressões. E, quando um beijo leva a outro, e mais outro, e ainda outro, o matemático pode perder a conta e a donzela pode, pela primeira vez, ficar sem palavras.


Hugh não estava preparado para o olhar de Sarah. Ela ergueu a cabeça na direção da dele, os lábios abrindo-se como se tomasse fôlego, e naquele momento Hugh teria jurado que o sol nascia e se punha no sorriso dela.