2 de agosto de 2015

Resenha | Vingança Mortal - Raquel Machado


Autora: Raquel Machado

Número de páginas: 120

Ano: 2014

Publicação independente

Skoob: AQUI
Sinopse: Ao receber uma ligação sobre a morte de sua melhor amiga, Brenda volta a sua cidade natal, Lageado Grande. Lá ela vai ao velório de Nicole, onde encontra seu rosto marcado por facas. Uma dúvida surge: será que realmente foi um acidente como todos falam? Ao voltar para casa algumas pistas aparecem, e Brenda fica obstinada a investigar a morte de Nicole. Ela decide então voltar as suas raízes. Porém, o tempo parece ter mudado muitas coisas, inclusive as pessoas que ela imaginava conhecer. Envolvida em uma rede de intrigas, dinheiro, drogas e traição, ela se vê prestes a montar um quebra-cabeça, onde cada peça parece se encaixar com extrema exatidão. E a solução para esse mistério, pode revelar um segredo escondido há muito tempo.


Essa é a minha história. Uma história que poderia acontecer com qualquer pessoa, e que vai te fazer pensar duas vezes antes de menosprezar alguém.

Brenda é uma bem sucedida empresária do ramo da gastronomia que vem passando por alguns problemas conjugais com Alan, seu marido, que conheceu na época do colégio e com quem está até hoje.

Alan trabalha demais e quase não tem mais tempo para Brenda. Ela quer ter um filho, mas sempre que toca nesse assunto Alan acaba brigando com ela. Por esse e outros motivos, a distância entre os dois só aumenta.

Eu queria ter um filho, mas Alan não queria nem tocar nesse assunto. Ele dizia que esse não era o momento apropriado, e cada vez que comentava sobre isso nós brigávamos, e isso começou a acontecer frequentemente.

Certo dia, ao chegar em casa, Brenda recebe uma ligação que mudaria tudo! Nesta ligação, Brenda descobre que Nicole, sua amiga da época da escola, morreu em um grave acidente de carro.

Chegando ao velório, Brenda estranha os ferimentos de Nicole. Eles não pareciam ser oriundos de um acidente de carro! A partir desse momento, Brenda decide investigar o que realmente aconteceu com Nicole.

Um véu preto cobria seu rosto, mas permitia ver as marcas do acidente, e quando cheguei mais perto percebi que elas eram profundas e pareciam ter sido feitas por facas. De repente passou uma ideia pela minha cabeça: e se não foi apenas um acidente?

••••••••••

Vingança Mortal é um livro bem curtinho, bem rápido de ler. Em uma sentada só você consegue terminá-lo.

A história é bem sucinta, os capítulos são curtos, tendo, em sua maioria, no máximo três páginas. Em todo capítulo tem uma reviravolta. Quando você pensa uma coisa, Raquel vai lá e muda tudo!

Os oito personagens, Brenda, Alan, Elenor, Ricardo, Alice, Luis, Nicole e Cristian, são amigos de colégio que se distanciaram com o tempo. Apesar da distância, há uma rede de mentiras que os une de uma forma bem surpreendente. Seus amigos mudaram muito com o tempo, eles não são mais as pessoas que Brenda conhecia!

O ponto positivo da história, sua agilidade, é também seu ponto negativo. Em um livro deste gênero esperamos mistério, investigação, pistas falsas… quando o autor enrola demais a leitura fica chata e arrastada. Vingança Mortal tem tudo isso! Tem mistério, tem investigação, tem pistas falsas… mas a rapidez da história impediu que tudo isso fosse mais aprofundado. O livro acerta em não enrolar, mas erra em acelerar demais os acontecimentos! Alguns capítulos a mais resolveriam esta questão. Porém, a escrita da Raquel compensa a falta de desenvolvimento.

A capa do livro é muito interessante. Ela realmente parece que está pegando fogo, gente!

A diagramação é simples, mas bem feita. As folhas são brancas, mas, como a história é bem rápida, não cansa os olhos. Encontrei poucos erros ortográficos, a única coisa que me incomodou foi a forma como os diálogos foram escritos, com underlines ao invés de travessões.

Em suma, Vingança Mortal é um bom livro. Ele peca em alguns aspectos e acerta em outros. Tenho certeza que nos próximos lançamentos Raquel continuará nos surpreendendo, pois ela tem muito talento!

Observação: Conteúdo postado quando a plataforma do blog ainda era WordPress. Com a mudança, todos os comentários foram perdidos.

Nenhum comentário

Postar um comentário