23 de outubro de 2017

Resenha | Meus Dias Com Você - Clare Swatman


Livro cedido em parceria com a editora. 

Autora: Clare Swatman

Número de páginas: 288

Ano: 2017

Editora: Arqueiro

Skoob: AQUI

Compre: Amazon
Sinopse: Quando o marido de Zoe morre, o mundo dela desaba. Mas e se fosse possível tê-lo de volta?

Numa fatídica manhã, Ed e Zoe têm uma discussão terrível, algo recorrente no seu casamento em crise, e ela acaba se despedindo de forma brusca quando ele sai para o trabalho.

Pouco tempo depois, um ônibus acerta a bicicleta de Ed, matando-o e deixando Zoe arrasada por não ter lhe dito quanto o amava. Se tivessem ficado mais um pouco juntos aquela manhã, ele ainda estaria vivo? Será que poderiam ter reconstruído o amor que os unira?

Após dois meses, Zoe ainda não conseguiu se conformar. De luto, decide cuidar do jardim do marido, quando acaba caindo e desmaiando. Então, algo estranho acontece: ao acordar, ela está em 1993, no dia em que conheceu Ed na faculdade.

A partir desse instante, Zoe passa a reviver momentos cruciais de sua vida e percebe que talvez tenha conseguido uma segunda chance: uma oportunidade de fazer tudo diferente, de focar naquilo que realmente importa, de mudar os rumos do relacionamento – e, quem sabe, o destino de seu grande amor.

 

Hoje é o dia.
No instante em que acordo e vejo onde estou, simplesmente sei. Hoje é o dia em que Ed vai morrer. E também o dia em que posso perdê-lo pela segunda vez se não fizer algo para impedir.

Dia 19 de junho de 2013, dia em que a vida de Zoe Williams mudou para sempre. Seria um dia como ouro qualquer em seu casamento em crise, onde a animosidade entre ela e seu marido, Edward, estava ficando a cada dia mais palpável. Naquele dia não houve beijo de despedida, não houve uma declaração de amor ou qualquer outra demonstração de afeto... naquele dia houve uma morte. A de Ed.

Zoe não se perdoa por ter tratado o marido tão mal, não somente do dia da morte dele como também ao longo dos últimos anos de casamento. A morte de Ed estava prestes a completar dois meses, mas o luto de Zoe não dava trégua. Em uma noite chuvosa, Zoe começa a arrancar as ervas daninhas do jardim que Ed tanto amava, mas acaba surtando e destruindo tudo. Quando estava prestes a voltar para dentro de casa, Zoe escorrega e cai, batendo a cabeça em um vaso de cerâmica.

Ao acordar, Zoe estranha estar no quarto que ocupava na casa de seus pais, e qual não é sua surpresa ao olhar-se no espelho e perceber que tinha rejuvenescido 20 anos! Aquela era ela no dia em que saiu de casa para morar em Newcastle, onde faria sua graduação em Marketing e Francês.

Fico sem ar. Não porque seja horrível. Sou eu. Mas não eu aos 38 anos, com olheiras e linhas finas sob os olhos, além de um profundo V gravado na testa que já estou acostumada a ver. É uma menina de 18 anos, com bochechas coradas e sem rugas - e uma maquiagem preta sob os olhos que me faz parecer o Alice Cooper. Meu cabelo está tingido de uma estranha cor púrpura-avermelhada e está todo arrepiado, como uma juba. Com mãos trêmulas, eu o toco e semicerro os olhos diante do meu reflexo, com uma careta. Minha testa não enruga nem franze como costuma fazer, mas permanece suave e inexplicavelmente elástica.
Eu rio alto. O som é inesperado e me faz dar um salto. É um som que não ouço há algum tempo. Mas me parece apropriado, pois essa situação é totalmente ridícula.
Como isso pode estar acontecendo?

Sua "regressão" não acontece de forma linear, ela passa a reviver dias específicos dos últimos vinte anos e nunca sabe se da próxima vez em que acordar estará de volta a sua vida normal. Ela revive, entre outros, o dia em que conheceu Ed, o dia em que se beijaram pela primeira vez, o dia em que se afastaram, o dia em que se reencontraram, e, claro, o fatídico dia da morte dele.


Encarando essa situação como uma nova chance, Zoe passa a dizer para Ed coisas que não disse e a engolir aquelas coisas que proferiu e que o magoou. Passa também a mudar suas atitudes na esperança de que aquilo faça a diferença, que mude os rumos de seu relacionamento e que impeça a morte de Ed no futuro.

E como se lembra perfeitamente de todos os dias que revive, Zoe se enche de esperança toda vez que algo acontece de uma maneira diferente que a do dia original.

Minha respiração parece ter ficado presa na garganta e eu engulo em seco. Ele sempre me amou. Durante todos os anos em que estivemos juntos, ele nunca me disse isso, e preciso de um momento para assimilar o significado dessa constatação: isso é novo, o que significa que algo mudou. Quanto, eu não sei, mas por enquanto não importa. É suficiente. Não há mais nada que eu possa fazer hoje, a não ser aproveitar ao máximo o fato de estarmos juntos, de poder estar com Ed outra vez, e prometo a mim mesma que, se for nosso último dia, pelo menos será muito feliz.

Será que todo o esforço de Zoe valerá a pena no final?

••••••••••

A proposta de Meus Dias Com Você não é nada inovadora, entretanto, eu curto livros com essa abordagem. O meu problema com o livro foi um só: falta de verossimilhança. A proposta do livro é fantasiosa, ok, isso eu já sei, afinal, quantas pessoas saem por aí revivendo dias de seus passados? O meu problema com este enredo em questão foi a facilidade e rapidez com que Zoe compreendeu o que estava acontecendo e o que tinha que fazer para tentar mudar seu futuro. Como eu já disse, eu curto livros assim, mas em todas as minhas experiências anteriores os personagens davam uma surtada e achavam que estavam loucos, o que fazia eu "comprar" mais o que estava acontecendo.

Zoe tem uma personalidade mais sóbria, o que justifica um pouco a maneira como age, mas a forma com que ela encara toda essa situação absurda não me convenceu. E se o leitor não compra a história...


E ainda sobre a personalidade de Zoe, achei-a completamente egoísta! Enredos assim geralmente possuem personagens que se redimem e melhoram, mas eu não enxerguei isso em Zoe. Ela ama Ed e isso é inegável, eu não duvidei do amor dela, todavia, a sensação que eu tive é que ela agia tentando mudar tudo o que aconteceu e apenas isso! Todas as suas atitudes e ações eram calculadas para um fim específico, ou seja, para que Ed permanecesse vivo, e eu não achei isso natural e nem que isso a fez melhorar como pessoa, infelizmente.

Sobre Ed, ele é um personagem muito perdido e que não tem muitas ambições. A única ambição que ele tem de fato acaba sendo a grande responsável pela crise em seu casamento. As nuances de sua personalidade foram pobremente desenvolvidas, deixando-o raso e chato.

Os personagens secundários existem, mas são apenas figurantes. Nenhum tem um papel realmente relevante, e esse foi um outro ponto que me desagradou.

A capa do livro é lindíssima, inclusive votei nela quando a editora abriu votação para a escolha da mesma. O livro é narrado em primeira pessoa por Zoe, a diagramação é simples e confortável, com folhas amareladas e sem erros de revisão.


Como vocês puderam perceber, a leitura de Meus Dias Com Você não me agradou, mas essa é ÚNICA E EXCLUSIVAMENTE a minha opinião, ok? Achou a sinopse interessante? Curtiu a proposta? Então leiam! Não levem uma resenha a ferro e fogo, é o que eu sempre digo! ;)


Observação: Gente, desculpem a falta de atualização esses dias. Sábado foi o Chá Revelação do mais novo baby da minha irmã e era eu quem estava organizando. Fiquei muito atarefada nas duas últimas semanas, por isso as postagens ficaram tão espaçadas. Mas agora tudo voltará ao normal! 😉 E o Joãozinho vai ganhar mais uma irmãzinha, a Melina! 💜

37 comentários

  1. Olá Tami, tudo bem?

    Olha, a história parece ser bem interessante mesmo, mas a personagem...Ultimamente, tenho me irritado bastante com as personagens principais, então acho melhor evitar essa leitura. Uma pena, pois a proposta era ótima e a capa linda.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você curte a proposta por que não lê? Vai que você gosta da Zoe...

      Excluir
  2. Que pena sua experiência de leitura não ter sido boa, porque a premissa parece muito boa. Não é algo original, mas geralmente histórias assim têm muito potencial de serem incríveis. Também fico irritada com personagens que não evoluem, a gente se sente meio decepcionado, não é? Só percebi um detalhe no primeiro quote que você colocou, se no livro estiver escrito "a Alice Cooper" é um erro, porque Alice Cooper é um cantor de rock que realmente usa muita maquiagem haha

    E parabéns pelo novo sobrinho. <3
    http://anneandcia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, o erro foi meu. Na hora de transcrever eu devo ter colocado "a Alice" automaticamente por conta do nome "Alice"! Rss
      No livro está com artigo masculino mesmo e eu já corrigi a quote, obrigada pelo toque! ;)

      Excluir
  3. Oi, Tami. Como vai?
    Vi tantas resenhas lindas desse livro que até assustei com sua nota. Concordo que quando a gente não compra a proposta do autor fica difícil gostar da obra, nossa, fica difícil até ler porque a gente não se identifica com aquilo, mas até que a gente tenta. Desde as outras resenhas eu achei a Zoe meio egoísta, ela é o tipo de pessoa que parece manipular as coisas em favor dela, aff, já não gostei.
    Talvez eu leia a obra em algum dia, quem sabe.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que você leia, Mi. A sua experiência pode ser totalmente diferente!

      Excluir
  4. Oiiii,

    Eu já tinha lido algumas resenhas sobre esse livro, mas nenhuma tão detalhada e a curiosidade que eu tinha para conferir a história passou. Não gosto de histórias que não convencem e nem de personagens que são egoistas e simplesmente não modificam nada, me da a sensação de que a pessoa passou por mil coisas e continuou no mesmo lugar. E agora vi menos sentido ainda em ela buscar tanto um momento com um personagem raso rs. Adorei a resenha, foi bem sincera e esclarece alguns pontos.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, Tamires.
    Eu não quis ler esse livro porque já imaginei que ele vai morrer mesmo no final e não estou a fim de ler histórias tristes ultimamente hehe. Mas é uma pena que você não gostou. Eu acredito que quando o protagonista não ganha o leitor, nem que a história seja perfeita, o livro não vai. Eu já não tinha vontade de ler, agora então menos hehe. E que Deus abençoe a Melina e todos vocês.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Que pena, este livro estava na minha wishlist, queria muito ler, mas agora vou ficar de pé atrás, se calhar até é melhor ir mesmo sem expectativa.

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, Tiago! Não é porque eu não gostei que o mesmo acontecerá com você! ;)

      Excluir
  7. Olá...
    Eu não acredito que você não curtiu essa leitura... Eu gostei tanto! Chorei horrores, me apaixonei e refleti muito sobre as mensagens deixadas pela autora, inclusive, até favoritei no Skoob <3
    Mas, enfim, cada um pensa de um jeito, né? Imagina se todo mundo tivesse os mesmos gostos... terror total!
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, cada pessoa é única. Eu, por exemplo, não senti nenhuma emoção... já você chorou! Rss
      Esse é que é o bacana da literatura, ela nos toca de maneiras diferentes.

      Excluir
  8. Oi Tami! Que pena ter sido uma leitura tão decepcionante, eu nem solicitei este livro e agora fiquei com menos vontade de ler. Bjos!!!

    ResponderExcluir
  9. Oi Tamires, também não foi uma das melhores leituras que tive, meu problema foi que como a protagonista já tinha entendido o que estava acontecendo com ela e sabia o que iria acontecer, afinal, estava vivendo o passado, todas as surpresas que ela teve me pareceram falsas, daí isso somado a falta de carisma dela, acabou que não curti muito também. Uma pena, mas acontece rs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Eu achei a premissa desse livro muito parecida com o filme "antes que o dia termine" gostei da sinopse,amo uma leitura bem dramática, mas pra isso é fundamental que os personagens funcionem,o que parece que não foi o caso na sua leitura, se tiver a chance eu lerei,mas gostei demais da sua resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece sim com Antes Que Termine o Dia, inclusive amo esse filme, mas a diferença é que no filme o personagem se redimiu...
      Mas leia sim, e que bom que gostou da resenha! :)

      Excluir
  11. Eu me interessei no livro, aliás, ótima a sua resenha. Mas realmente, personagem chato ou egoísta já da até raiva né, mas coloquei na minha lista, porque fiquei a fim de ler mesmo assim ahhaha
    Beijos,
    https://blogluanices.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber disso, Luana! Espero de coração que o livro funcione para você! ;)

      Excluir
  12. Oi, Tami!
    Realmente a capa é maravilhosa. Adorei essa combinação de cores.
    Então.. esse livro nunca me chamou atenção. Com personagens egoístas aí que meu interesse vai pra zero mesmo.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa capa é maravilhosa, uma das melhores capas da Arqueiro desse ano!

      Excluir
  13. Oi, Tamiii!
    Esse livro tá uma febre no instagram.
    A divulgação foi tanta que eu tô participando de tudo quanto é sorteio dele, haha
    Uma pena não ter funcionado pra você!
    Quando eu ler, venho te contar o que eu achei!

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  14. Oi Tami, tudo bom?
    Poxa, guria, que pena o livro não ter sido uma leitura tão boa :/ vi muita gente elogiando e ai agora meu pé foi pra trás UHASUHASUHASUH
    Quando os personagens não fazem a história fluir, ai danou-se. Dificilmente a coisa vai dar certo.
    Gostei bastante da sua resenha!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oie Tami =)

    Eu li tantas resenhas elogiando esse livro, que estava realmente desconfiada que a história fosse isso tudo mesmo.

    A premissa realmente me chama atenção e confesso que eu curto uma história que me faz chorar rs..., mas os pontos negativos que você citou nesse caso falariam mais alto.

    Melhor deixar essa passar.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história poderia funcionar para você, quem sabe?

      Excluir
  16. Oi Tami.
    A capa desse livro é linda mesmo. Mas eu ainda não senti vontade de ler. E lendo sua resenha acho que não vou me agradar da história. Por isso, deixarei aqui na lista de futuras possibilidades rsrsrs
    Ótima resenha como sempre.
    Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tenho essa listinha por aqui...
      Hahahaha

      Excluir
  17. Oi Tami,
    Mais uma resenha tiro, hein? Eu já li resenhas positivas e negativas desse livro, ele está na corda bamba, pois não sei se leio ou não. Confesso que a falta de verossimilhança é algo que me incomoda demais e percebi isso só de ler sua resenha. Esse livro parece ter muita coisa que mudar para ficar bom.
    Adorei a resenha e vou tentar ler para ver o que vou achar.
    Parabéns ao Joãozinho e a você. Espero que Melina venha com muita saúde e traga muita alegria para vocês!
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?
    Eu não conhecia o livro e, provavelmente, seria enganada pela capa e o leria sem saber de nada. Ainda bem que li sua resenha, rs. O que mais gosto nesse tipo de fantasia é o amadurecimento dos personagens, fazendo com que eles sejam pessoas melhores e como isso não aconteceu com a Zoe acredito que não seria uma leitura que me agradaria.

    Beijos
    http://livro-apaixonado.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Acho resenhas negativas tão boas quanto positivas, e isso pq serve pra afunilar o público. Após ler sua resenha percebi que pra mim o livro também não funcionária, mas concordo que a capa é maravilhosa ^^
    Elisabete Silva
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  20. Só a capa do livro me deu vontade de ler porque de cara, já me remeteu para um drama emocionante, tipo de livro que adoro. Mas sua resenha e os seus argumentos me fizeram pensar melhor e acho que vou reavaliar minha curiosidade com o livro.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Oi!
    Quando esse livro foi lançado fiquei com muita vontade de ler, porque a premissa e a capa me ganharam muito.
    Mas meu problema foi que levei um tremendo spoiler de uma autora, sério ela conto todas as coisas importantes do livro e o final ¬¬'
    Dai desanimei bastante, mas depois da sua resenha fiquei com o pé atras um pouco. Acho que vou esperar esquecer o spoiler e daí um dia leio kkkk

    ResponderExcluir