18 de novembro de 2019

Série | Sanditon


Título original: Sanditon

Lançamento: 25 de agosto de 2019

Episódios: 8

Duração média: 45 min

Criador: Andrew Davies

Gênero: Drama

Elenco: Rose Williams, Theo James, Crystal Clarke, Kris Marshall, Kate Ashfield, Charlotte Spencer, Jack Fox, Mark Stanley, Leo Suter, entre outros.

Saiba mais: IMDb - Filmow
Sinopse: Charlotte Heywood é uma espirituosa e impulsiva jovem que deixa seu lar rural para trás e parte para Sanditon, um vilarejo pesqueiro que está tentando se tornar um resort à beira-mar.



Em 1817, quatro meses antes de sua morte, Jane Austen estava trabalhando no manuscrito de Sanditon. Com apenas onze capítulos escritos, a história ganhou as telas através da mente criativa de Andrew Davies, que já possui certa experiência em adaptações de obras da autora. Por se tratar de uma obra inacabada, grande parte do que é entregue em tela provém da mente dos roteiristas, e por mais que peque em aspectos essenciais como ritmo, continuidade e enredo, Sanditon é uma série gostosa que tem tudo para conquistar não somente os fãs de romances de históricos, como também o público em geral.

Aqui nós vamos acompanhar a história de Charlotte Heywood (Rose Williams), uma jovem sonhadora que vê sua vida mudar completamente após ajudar o não menos sonhador Tom Parker (Kris Marshall). Como agradecimento pela ajuda prestada no acidente que sofrera junto com a esposa, Tom convida Charlotte para conhecer Sanditon, um vilarejo pesqueiro que ele, Tom, está tentando transformar em um resort à beira-mar para a alta sociedade londrina. Até o momento, sua empreitada não está dando indícios de que irá funcionar, deste modo, ele passa a contar com a influência e os contatos de Sidney Parker (Theo James), seu irmão, com os investimentos de Lady Denham (Anne Reid), uma das moradoras mais antigas do vilarejo, e, mais tarde, com as ideias da própria Charlotte.

Há uma falta de coesão em tela. Os núcleos são muito heterogêneos e as tramas não se desenvolvem completamente. Há um foco excessivo na interação cheia de animosidade entre Charlotte e Sidney, que toma muito tempo em tela se formos levar em consideração a quantidade de episódios e o número de plots a serem desenvolvidos. Duas tramas que deveriam ter recebido uma atenção maior foram a de Georgiana Lambe (Crystal Clarke) e a de Esther Denham (Charlotte Spencer), a primeira pela relevância histórica e a segunda por méritos da própria atriz. 

© ITV
Georgiana é herdeira de uma fortuna. Uma nova rica negra que foi retirada de sua terra natal e, de repente, se vê no meio de uma sociedade elitista e racista. Apaixonada pelo idealista Otis Molyneux (Jyuddah Jaymes), Georgiana se vê presa em Sanditon, para onde fora levada por Sidney, seu tutor nomeado por seu falecido pai. Já Esther agrada pela personalidade dúbia; ora frágil, ora durona. Ela vive um relacionamento proibido e doentio com o irmão, que suga o que ela possui de melhor e deixa transparecer somente sua pior parte. Enquanto Crystal Clarke entrega uma atuação muito inconstante e até amadora, Charlotte Spencer dá conta do recado. Com apenas um olhar ela consegue transmitir toda amargura de Esther, e apesar de ser o que pode ser considerado uma vilã, ela consegue prender a atenção do espectador e, por conta de seu desempenho, é fácil torcer pela redenção de sua personagem.

Há outras boas atuações como a de Rose Williams, cujo trabalho eu já conhecia desde Reign. Sua Charlotte é fofa, mas não brilha. A espirituosidade da personagem não convence e não consegui enxergar em sua interpretação características de uma protagonista de Jane Austen. Faltou força e impetuosidade! Theo James é um tanto quanto irrelevante, confesso, mas seu porte cênico agrada. O papel de um cavalheiro inglês do século XIX lhe caiu como uma luva! O romance entre os personagens é bonitinho, mas há uma forçada de barra desnecessária no cliffhanger do final da temporada que me fez ficar bem revoltada, mas vamos ver como essa história vai se desenrolar caso haja uma segunda parte.

Ahhh, e não posso esquecer de mencionar Lady Denham! A velha matrona é a Lady Danbury de Julia Quinn todinha, é impressionante! 😂😂😂

© ITV
© ITV
Sanditon é uma produção esforçada. Isso fica ainda mais nítido quando observamos partes mais técnicas como fotografia e figurino. Há muita coisa para ser melhorada, mas a atmosfera da produção compensa e deixa um sorriso no nosso rosto em diversos momentos. Como espectadora, para mim, isso é o que mais importa.

24 comentários

  1. BOM DIA
    OTIMA dica de serie porque é o meu genero preferido e mesmo com as ressalvas que voce apontou sinto que vale a pena assistir

    ResponderExcluir
  2. Oie
    Eu não sabia dessa série e nem desse livro iniciado pela Jane Austen.
    Eu sabia só sobre "Lady Susan" que também só foi iniciado e um parente dela terminou,mas não gostei muito:/

    Ótima dica
    Beijos

    Meu mundinho quase perfeito

    ResponderExcluir
  3. Olá...
    Quem me conhece sabe que não sou muito de assistir séries, porém, achei o enredo dessa tão interessante e "a minha cara" que fiquei curiosissima pra assistir. Fiquei animadissima, mesmo com suas ressalvas!!! E já estou aqui curiosa a respeito dessa comparação com a Lady Danbury :D
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, se fossem irmãs elas não seriam tão parecidas!

      Excluir
  4. Olá, Tamires.
    Eu não sabia dessa série. E fiquei bastante interessada mesmo com os pontos negativos que você levantou. Eu amo séries históricas, fico doida nos figurinos hehe. Se der vou assistir ela.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oi, Tami!
    Não sabia desse livro inacabado da Jane Auten, nem de sua adaptação. Fiquei curiosa com a série, há tempos não assisto nada nesse estilo, e apesar das ressalvas acho que vou dá uma conferida na série.

    Beijos
    Construindo Estante || Instagram

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia a série, não sou muito de assistir séries. Na verdade isso está mudando porque recebi algumas recomendações e resolvi me aventurar e maratonar as séries.
    Vou procurar essa quando tiver um tempinho pesar das ressalvas.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Tamires, tudo bem?
    Apesar de gostar de romances históricos acabo não vendo séries do gênero. Mas “Sanditon” parece interessante, vou assistir o piloto e ver o que acho.

    *bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Tami!
    A Lady Denham realmente lembra a lady Danbury, mas eu achei a primeira um pouco mais brutas em certas ocasiões que a da Julia Quinn.
    Por mais que eu ache o Theo James bonito, não consigo engolir esse lance de "antes sofria, agora sou fria" dele naaaam...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  9. Oi Tami,
    Eu quero assistir essa série, mas como não estou baixando nada, ainda não consegui.
    Tenho amigas que ficam no meu pé para ver logo! rs
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi Tami! Eu estou bem no clima destes romances, estou lendo vários seguidos e ver uma série neste gênero me animou. Eu adorei a dica e quero tentar conferir logo. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  11. Oi Tami, mesmo sendo uma obra inacabada tem como base Jane Austen, né? Já acho interessante e apesar das ressalvas eu quero conferir, gostei bastante da premissa e esse figurino maravilhoso.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  12. Quero muito conhecer! Adorei séries de época.

    Beijos

    Imersão Literária

    ResponderExcluir