9 de dezembro de 2020

Netflix | Missão Presente de Natal

Título original: Operation Christmas Drop

Lançamento: 5 de novembro de 2020

Duração: 1h 35min

Direção: Martin Wood

Gênero: Comédia, Romance

Elenco: Kat Graham, Alexander Ludwig, Trezzo Mahoro, Bethany Brown, Rohan Campbell, Virginia Madsen, Jeff Joseph, Janet Kidder, Aliza Vellani, entre outros.

Saiba mais: IMDb - Filmow

Sinopse: A assessora Erica renuncia a um Natal em família para viajar a mando de sua chefe. Em uma base da Força Aérea à beira-mar, ela entra em confronto com o capitão Andrew Jantz, que sabe que sua missão é encontrar motivos para finalizar as atividades de sua base.



Eu amo o Natal, mas confesso que minha parte favorita da época é a que envolve a cozinha, pois adoro cozinhar. Nunca fui muito de assistir a filmes natalinos, mas este ano resolvi dar uma chance aos recentes filmes temáticos que entraram no catálogo da Netflix.

Resolvi começar com Missão Presente de Natal por conta da ambientação diferenciada, já que a grande maioria dos filmes natalinos explora o famoso White Christmas, ou seja, usa e abusa de toneladas de neve. Contrariando o lugar comum, a produção protagonizada por Kat Graham e Alexander Ludwig é praiana e solar, sendo muito mais próxima da nossa realidade.

Em Missão Presente de Natal nós vamos acompanhar a história de Erica (Graham), uma assessora parlamentar que, após o falecimento da mãe, passou a se dedicar exclusivamente ao trabalho. Visando uma promoção, ela não hesita quando, às vésperas do Natal, sua chefe, a congressista Bradford (Virginia Madsen), sugere que ela viaje para uma distante ilha no meio do Oceano Pacífico com o objetivo de averiguar as atividades da base militar da Força Aérea Americana lá instalada. Caso haja indícios de desperdício de dinheiro público, as atividades da base serão finalizadas.

Chegando lá, Erica logo começa a querer mostrar serviço, ela só não contava com a solicitude do capitão Andrew Jantz (Ludwig), que está disposto não somente a lhe mostrar as dependências da base e os arredores da ilha, como também está disposto a fazê-la se lembrar do verdadeiro espírito natalino.

© 2020 Netflix, Inc.  

© 2020 Netflix, Inc.

Pela minha nota vocês devem ter percebido que o filme não me agradou muito, né? Eu juro que pensei se faria sentido fazer uma postagem problematizando um filme de natalino, porque né... really Tamires? 😅 Mas eu fiquei demasiadamente incomodada com a visão colonialista de toda a produção. Mais uma vez temos um filme americano colocando suas Forças Armadas em um patamar elevadíssimo, como se não soubéssemos da missa a metade.

O filme é baseado em uma missão bacana que realmente existe. Desde 1952, no Natal, a Força Aérea dos Estados Unidos da América entrega suprimentos básicos e presentes à comunidades isoladas da Micronésia. Não vou desmerecer a missão de forma alguma, mas a abordagem, para mim, foi equivocada. Assim como temos os salvadores brancos em muitas produções que deveriam enaltecer o protagonismo preto, temos os salvadores americanos com seu enfadonho e, mais uma vez, equivocado, complexo do herói. O olhar de pena de Erica é incômodo, assim como o tom usado por Andrew para falar sobre os habitantes do local. Em dado momento, a protagonista abre a bolsa e sai distribuindo tudo o que tem dentro para as crianças da ilha em uma cena de extremo mau gosto. 

Se no meio disso tudo o romance ainda convencesse seria uma luz no fim do túnel, porém, não é o que acontece...

© 2020 Netflix, Inc.

© 2020 Netflix, Inc.

Para não ser injusta, devo mencionar que gostei que o romance - ou a tentativa de um romance - não ficou em primeiro plano. O foco é o complexo, ops, a missão, e o envolvimento entre Erica e Andrew vai sendo construído aos poucos. O problema é que não há nenhuma química, é o verdadeiro romance água de chuchu! Não consegui torcer por um toque... por um beijo... por absolutamente nada.

Missão Presente de Natal também fica devendo quando o assunto é o background dos protagonistas. Os dramas pessoais são abordados bem superficialmente, principalmente os de Andrew, que, muito abnegado, abre mão do que tem em benefício de quem quer que esteja necessitando. E por falar nele, o personagem é o ponto alto do filme. Bom moço, carismático, simpático, prestativo, altruísta... me faltam elogios para descrevê-lo. É o personagem certo no filme errado! Alexander Ludwig está ótimo no papel e merece mais mocinhos de romcoms.

Eu adoro a Kat Graham desde TVD, mas não curti a Erica. Não há um motivo específico, confesso, apenas não simpatizei com a personagem de uma maneira geral. Acho que o desconforto que Erica deveria sentir naquele local meio que passou dos limites e pareceu que a própria atriz estava desconfortável, sabe? Não senti naturalidade. Os demais personagens são muito deslocados, então nem vou perder tempo falando sobre eles. Apenas vale mencionar que há um personagem que está fazendo o papel dele mesmo, mas obviamente não vou falar quem é. Achei a ideia fofa! 

No mais, Missão Presente de Natal é um filme que não impressiona. Não que produções natalinas sejam feitas para este fim, mas pelo menos um quentinho no coração eu esperava sentir, e não foi o que aconteceu.


19 comentários

  1. Oi, Tamires. Como vai? Que frustrante não? Que pena que o longa metragem não tenha lhe cativado. Se o casal não tem química entre eles não adianta, a história em si passa a impressão de ser pior do que realmente é. Embora o romance não seja o foco do filme eu fico com esta sensação quando isto ocorre. Pelo menos existem pontos positivos no filme, o que é bom. Como sempre sua resenha muito bem feita e bastante explicativa é um deleite para este que vos escreve. Você resenha muito bem, è sempre um prazer eu vir aqui e ler resenhas deste nível. Adorei. Espero que você não desista dos filmes natalinos, embora este aí tenha lhe causado frustração. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Tami,

    Poxa que pena.
    Eu não conhecia o filme e confesso que o enredo não me chamou tanta atenção. Mas é ruim quando esperamos sair com um sorriso no rosto de filmes do gênero e eles acabam nos frustrando.
    Tenho certeza que você vai achar outro que irá aquecer seu coração.

    Bjs
    https://diarioelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Tamires.
    Eu só assisti um filme de natal até agora, o com o Leandro Hassum e gostei muito. Mas tinha marcado esse na minha lista e já vou tirar. O que mais gosto nesses filmes é o romance e se não convence para que assistir hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Assisti o filme recentemente e gostei por ser um natal mais quente do que estávamos habituados a ver nos filmes, mas me senti desconfortável com as mesmas coisas que você.
    Na cena da bolsa, eu fiquei imaginando que foi mesma coisa que os portugueses fizeram ao oferecer espelhos os índios.
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Tami!

    Esse filme não funcionou nem um pouco pra mim. Adoro também a atriz desde TVD, mas ela e o ator tem uma química 0, e isso reflete total na história, não dá nem pra torcer por eles. Uma pena :(

    xx Carol
    https://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi Tami,
    Esse foi um dos filmes mais fracos do estilo, achei bem... BLEH. Mas aí chegou no final e eu vi as fotos reais do projeto e meus olhos se encheram de lágrimas. rs
    Eu sei, sou uma manteiga derretida, rs.
    P.S.: A cena da bolsa também me incomodou MUITO!
    beeeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Tami, sua linda, tudo bem?
    Saudades de vir aqui. Meu blog ficou parado por um tempo, e estou voltando aos pouquinhos. Espero que esteja bem, apesar da situação em que vivemos. Confesso que não estou conseguindo me concentrar nos livros, então planejei ver muitos filmes de Natal, minha época preferida do ano. Que pena que esse não agradou. Eu vi na Netflix, e já tinha até colocado na lista. Vou ficar com os filmes tradicionais, cheios de neve, risos...
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  8. Oi Tami, até achei a ambientação diferente e fiquei interessada, mas agora vou passar outros na frente rsrsrss

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  9. Oi Tami,
    Tive uma opinião bem parecida com a sua em relação a esse filme. Achei a escolha dos dois como casal bem estranha, o menino parece adolescente perto dela.
    As crianças são simpáticas, mas as cenas são vergonhosas, nem um amigo pra avisar sobre essa da bolsa.
    Fora que o motivo que leva ela até a ilha é simplesmente forçado ao extremo.

    Só avaliei com uma estrela a mais que você por causa da campanha ser real, e trouxe o sentimento de espírito natalino.


    É aquilo né, o dia sempre salvo pelos Estados Unidos da América.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  10. Oi Tami! Eu não veria o filme só pela atriz, ao contrário de você, desde TVD peguei cisma com esta garota e não assisto nada que tem ela como protagonista. Ver sua nora então, só me fez ter certeza que tem produções melhores para gastar o tempo. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  11. Oi Tamires, tudo bem?
    Eu vi o trailer do filme e pensei em assisti-lo, por conta da proposta diferente. Mas pelos seus comentários acredito que não irei gostar.

    *Bye*
    Marla
    https://loucaporromances.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi Tami, tudo bem?
    Não costumo mergulhar em produções natalinas, mas vi o trailer desse filme e fiquei com vontade de conferir pela Kat e pelo Alexander.
    Contudo, foi muito bom ler seu post, porque eu tenho RANÇO dessa visão de salvadores que os americanos têm de si mesmos. Acho que vou acabar passando, exceto se estiver muito entediada sem nada melhor pra ver.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  13. Oi Tamires,
    Menina, pela sua resenha então eu super acertei. Estou fazendo um festival de filmes de Natal no blog e estou colocando só filmes novos. Quando olhei pra esse eu pensei, deve ser ruim, nem vou assistir hehehe Muito obrigada pela sua opinião sincera ^^ Se der acompanhe o especial, nem todos serão filmes inesquecíveis, mas pelo menos estou colocando lá indicações de bom para cima ;)
    Bjos
    https://www.kelenvasconcelos.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi
    pena que pra você o filme não funcionou, diferente do filme eu gostei.
    E realmente a missão é algo bem interessante, esses dias ando assistindo muito filme de natal.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Oi, Tami! Tudo bom?
    Esse filme é MUITO RUIM e é tão ruim que eu amei UHASUHUHASUHASUHASUH
    É muito patético como a mensagem militarista tá forte na trama, tentando fazer os soldados se passarem por mocinhos bonzinhos querendo ajudar. Eu passei mal de vergonha alheia com a cena da guria entregando escova e um monte de coisa pras crianças da ilha, fiquei esperando as crianças mandarem um "gringa maluca" pra ela. Pena que o filme é estadunidense, né :v
    Mas pelo menos o ship funcionou UHUHASUHASUHASUHASUHAS

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  16. Quando comecei a ler as resenhas sobre esse filme, eu comecei a desconfiar que fosse "mais do mesmo", enaltecendo as forças armadas americanas e eles são os únicos heróis. Lendo agora sua resenha, só me confirmou o que já imaginava e sei que não verei esse filme.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
  17. Oi Tami, tudo bem?

    Minha mãe que curte mais séries e filmes com a temática natalina. Eu acabo assistindo para acompanhá-la, mas o que realmente gosto do Natal é a comida e a folga (rs...).

    Da Netflix ainda não assistimos nada esse, mas acho que vimos todos os filmes do especial de Natal que o canal Studio Universal está realizando.

    Uma pena que o filme não tenha atingido as suas expectativas. Acho péssimo quando o desenvolvimento dos protagonistas é superficial, porque toda a narrativa fica sem profundidade também.

    Bem, já vou tirar esse filme da lista da minha mãe (rs...).

    Beijos e um ótimo final de semana;*
    Ariane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  18. Adoro filmes natalinos e gosto muito dos atores principais mas não fiquei nem um pouco interessada em assistir esse quando vi o trailer. Sou do tipo que acaba problematizando as coisas até quando não quer e aí já viu kkkk

    Abraço,
    Larissa | Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  19. Oii Tami, tudo bom?
    Eu, ao contrário de você, adoro filmes de natal, no entanto, esse ano acabei não assistindo nenhum. rs
    Sobre esse filme, eu tinha achado interessante a premissa, mas assim, essa síndrome de Herói dos Estados Unidos já deu né? Eu não aguento mais ver isso em filme rs Esses outros pontos levantados também me incomodariam e por isso vou passar esse filme. Adorei conferir suas impressões!

    Beijos

    Entre Livros E Personagens

    ResponderExcluir